Doses De Prosas E Versos

Minha foto
Nome:
Local: Vitória, E. Santo, Brazil

Apenas alguém que brinca de ser poeta. Site onde publico: http://www.recantodasletras.com.br/escrivaninha/

sábado, outubro 31, 2009

Acordes


No aconchego dos teus acordes,
corre um rio que inunda meus poros.
Ouço solos de poesias.
Afloram gozos divino.
Verdadeiros hinos de amor.


Texto: Roberto Passos do Amaral Pereira.
Imagem: http://www1.folha.uol.com.br/folha/pensata/luizcaversan/

Vitória - De Menina A Mulher


Vitória foi menina,
de maria- chiquinha e tranças,
calada, tímida,
e provinciana.
Na sua infância,
viu o bonde,
o surgimentos das pontes,
e os aterros da cidade.
É bem verdade
que sente uma certa saudade,
uma nostalgia daqueles dias.
Cresceu, mas não perdeu a magia.
Hoje é mulher madura,
moderna,
com as pernas no futuro,
de belas curvas e relevos
de fala confiante,
sem medo,
como o Penedo protegendo a ilha.


Texto: Roberto Passos do Amaral Pereira.
Imagem: http://4.bp.blogspot.com/_r3uqxnh1dVQ/SuxIcpG3G8I/AAAAAAAAAmU/gaFoOQyXuPc/s1600-h/A++vITORIA++E.+SANTO.jpg

Tributo a Tom Jobim


Com sua morte o Rio perde seu brilho,
Sua beleza natural.

No mar, suas ondas recusam a se formar.
Você não está mais ali para admirar.

Na mesa do bar,
Seu chope gelado, amigo,
esquenta de saudade
esperando sua volta.

Copacabana perde sua presença mágica,
sua inteligência simples
de ver e viver a vida.

Das noites terrenas,
segue para a boêmia celestial.
Tom, de todas as cores,
de tantos amores
descanse em paz.


Texto: Roberto Passos do Amaral Pereira
Imagem: bibi.org

quarta-feira, outubro 28, 2009

Loucos E Bobos


Enquanto a tarde caía
e eu dentro de ti vivia,
tu surgias como uma chuva fina
a regar as minha terras,
a domar a minha fera,
a ser a vela da minha embarcação.
Tuas pétalas de sensualidade
perfumavam de felicidade todo o meu corpo.
Entre conversas,brincadeiras, travessuras e muitos gozos,
nos tornamos loucos e bobos de amor.


Texto: Roberto Passos do Amaral Pereira.
Imagem: Google.

segunda-feira, outubro 26, 2009

Horizonte Passeio


Teu olhar me encanta.
Tua anca me chama
para uma deliciosa dança.
Teus braços me enlaçam
para um horizonte passeio.
Giro em teu eixo,
entre beijos e relevos....
Deixo- me levar,
me embriagar de amor.


Texto: Roberto Passos do Amaral Pereira.
Imagem:tkfiles.storage.msn.com/y1pTPMU3inAcSU2Il9skSt

sexta-feira, outubro 23, 2009

Poetando Estrelas


Não é só alegria que eu sinto
quando tuas mãos me tocam,
teus lábios molham- me em beijos,
e teus quadris nos meus se encaixam.
Acho que estou sonhando acordado,
abraçado com os deuses,
poetando estrelas
na cintura da lua.
Tamanha é tua beleza
e minha paz!


Texto: Roberto Passos do Amaral Pereira.
Imagem:celula.files.wordpress.com/2009/08/casal-ale..

segunda-feira, outubro 19, 2009

Fonte


Verde ser em ti me vi.
Tentei fugir,
mas não resisti.
Bebi de tua fonte.
Tornei- me um homem melhor.
Amadureci.

Texto : Roberto Passos do Amaral Pereira
Imageem :mg.olhares.com/data/big/177/1777518.jpg

Vício


No início,
um olhar meio arisco,
risos disfarçados.
Depois do beijo preciso,
um delicioso vício.


Texto: Roberto Passos do Amaral Pereira.
Imagem: pesquisa do google

sexta-feira, outubro 09, 2009

Drogas


Aqui jaz um rapaz
que não foi capaz
de encarar suas dificuldades,
seus conflitos,
e se entregou ao vício.
Na dependência química,
ganhou uma vida sem versos e rimas
que lhe tirou a paz,
a calma,
e mudou sua personalidade.
Pelas drogas,
cometeu assaltos,
arrumou falsos amigos,
desequilibrou seu ciclo familiar.
Passou seus últimos momentos
sem conhecer um sorriso,
mendigando carinho,
amor e abrigo.
Agora,
é mais um na triste estatística
de um caso de polícia.
Uma vida vencida pelas drogas.


Texto: Roberto Passos do Amaral Pereira
Imagem: lenisemietto.wordpress.com

quinta-feira, outubro 08, 2009

Desejo



Gostaria nesse momento,
de ser o vento
que carinhosamente atrevido,
levanta o seu vestido.




Texto: Roberto Passos Do Amaral Pereira.
Image emodapatriciasimao.blogspot.com